sexta-feira, 29 de março de 2013

"[MINHA VILA]".


"[MINHA VILA]".

Estou aqui,depois de muitos anos
sentado no alpendre da varanda
ver renascer todos os meus planos
e verdades,dum passado que comanda
diferentes sonhos,daqueles tempos.

As suas curtíssimas e largas ruas
hoje são extensas e lindas avenidas
onde restringia-se de casas nuas
agora veste-se de cores e vivas
em propriedades e sentimentos.

Muitos ou quase todos já se foram
mais aqui,deixaram um bom legado
entre filhos e netos que deixaram
para que não morra o passado
sem memória ou conhecimentos.

Bem distante desse meu mundo
vivi e cresci com essa esperança
guardando no meu Eu,mais profundo
nunca deixando na triste lembrança
ou saudades dos harmoniosos momentos.

Hoje,nesse exato e memorável presente
aqui estou revivendo toda minha estória
e achando mais fatos na minha mente
de tantos atos guardados na memória
repetidamente dados de contentamentos...

sábado, 23 de março de 2013



"FELIZ ANIVERSÁRIO JAMIL LUZ".(Por Regina Madeira Gôda)

J. oia rara entre os amigos.
A. mado por todos que o conhece
M. aravilhosas letras saem de suas mãos.
I. lumina a vida dos outros com sua luz
L. ança sementes pelos jardins da poesia

L. eva alegria por onde passa
U. sa a sabedoria e o coração
Z. omba da dor cantando uma canção.

                                                     Regina Madeira Gôda




FELIZ ANIVERSÁRIO JAMIL LUZ...(Por Angélica Golvea).

J untei toda felicidade
A crescentei, bençãos saúde, prosperidade
M editei, orei
I nvoquei ao céus
L eve até ele e o cubra com este véu

L ouvei e agradeci a Deus
U m dia feliz, este será o seu
Z arpei contente, porque Ele
atende um pedido meu.

Angélica Gouvea


sexta-feira, 22 de março de 2013

"[MUDANÇAS]".


"[MUDANÇAS]".

Mudar o destino
rumo ao futuro
sair do desatino
fora do escuro
bate como sino
um coração duro.

Encontrar o amor
nessa jornada
abrir-se em flor
na paz colocada
sem tristeza e dor
ao longo da estrada.

Entregar para sempre
o mútuo sentimento
sinceridade coerente
com discernimento
fazer-se contente
em firme pensamento.

Colocar esse caminho
na mente,corpo e alma
desviar todo espinho
em esmero e calma
emanar o carinho
alegre,sem trauma.

Evidenciar para todos
essa doce mudança
com bons modos
conter na lembrança
os princípios novos
com muita esperança...

"PRESENTE DE ANIVERSÁRIO QUE GANHEI DA GLORIOSA POETISA FÁTIMA GALDINO]".


Poeta Jamil Luz!!!


Por onde passa  deixa um legado
O que aprendeu pela escola  da vida,
Experiente denota sua  criatividade
Traduzindo pela poética bem  definida,
Assim é conhecido pela sua hombridade.

Joia raríssima  e com a alma iluminada,
Assim brilha ao longo da sua jornada,
Menino tu és o homem nato da poesia,
Iluminando o universo  com tua alegria,
Lirismo que encantam nos teus versos.

Liberdade e domínio  faz com maestria,
Une as letras com carinho e dedicação,
Zelando tua escrita com  toda sabedoria.

Fátima Galdino...

22/03/2013.

quinta-feira, 21 de março de 2013

"[DOSE CERTA]".


"[DOSE CERTA]".

És a dosagem certa
em tudo que faz e diz
manera,fácil e correta
me deixando muito feliz
sólida base concreta
ostentas minha motriz.

Qualquer dia e hora
numa alegria em flor
em felicidade sonora
em versos de louvor
com ditos que escora
gosto eterno do amor.

Interpretas a paz n'alma
com um sublime olhar
na certeza que acalma
trazendo amplo bem estar
fora de tristeza e trauma
em seu correto caminhar.

Transmites ao meu mundo
muita fineza,e doce ternura
um imenso apreço profundo
em esmero farto e candura
desdenhando todo infundo
mostras emoção,bela e pura.

sexta-feira, 15 de março de 2013

"[OPOSTOS QUE SE COMPLETAM]".


Tu és o verdadeiro amor,

eu sou a carência de louvor.
Tu és quem me sombreia,


eu viajante na quente areia,

Tu és a mais pura água fresca,

eu sedendo de garganta seca

Tu és a mão estendida e amiga,

eu desamparado sem guarida

Tu és o sinônimo de ternura

eu antônimo de candura,

Tu é a abelha proletária

eu a flor nua indumentária,

Tu és tranquila lagoa azul

eu mar bravio no extremo sul

Tu és o meu sempre amparo

eu cambaleante nem reparo

Tu és o ápice da montanha

eu a baixa campina insana

Tu és quem caminha certo

eu um caminhante inverto

Tu és a mais extensa precisão

eu forte incerteza na decisão

Tu és a intensa doce voz

eu ouvindo atento algoz...




Somos diferentes e isso é tão belo e bom!
Nós nos completamos,tanto que somos plenos!


Enquanto nossas diferenças nos atraem,

nos dão oportunidades de crescer

de nos tornarmos mais completos

mais sábios,mais humanos.

Também,são essas oportunidades

nos dão a clareza para trazermos,

um ao outro mais felicidade...

"[CAMALEÃO]".


"[CAMALEÃO]".

Transforma-se em várias cores
sem pensar no seguinte dia
para obter muitos amores
de maneira falsa de alegria.

Breve só lhe restará a casca
deteriorando-se pelo tempo
sem nenhuma sólida lasca
para ser digna de sentimento.

A frieza que ainda o predomina
lhe traz um rancor repugnante
morrer só,será sua triste sina
esse ser,extremamente berrante.

Esse escrito é a minha dedicação
á quem é assim como o camaleão
para que  possam ter essa noção
que tem uma só cor,todo coração...

"[ROMÂNTICO]".


"[ROMÂNTICO]".

Me olho como um romântico
ao trata-la como uma flor
sentir na sua voz um cântico
e devolve-a com muito amor.

No choro de alegria e emoção
ao abraça-la de tanta saudade
sentindo esse calor no coração
por conta dessa doce felicidade.

Em compara-la com a natureza
em prol da perfeição e harmonia
que mostras sua grande beleza
tal qual o nascer de um novo dia.

Sinto-me assim à todo instante
no meu ser,em qualquer momento
emanando esse forte sentimento
sendo seu imenso,terno horizonte...

"[AUTO CONHECIMENTO]".


"[AUTO CONHECIMENTO]".

Auto conhecer-nos,
não é simplesmente 
olharmos no espelho,
ou à nossa volta,
e dizer que está tudo bem.
E sim,introceder-nos sentindo e,
ouvindo a voz do coração!!!

quinta-feira, 14 de março de 2013

"[DIA DA POESIA]" (14/03)


"[DIA DA POESIA]" (14/03)

Hoje é o dia que se dedica à poesia
Feitos que os poetas nos propagarão
Em todos os conversos desse dia
Transformado esse mundo em diversão.

Hoje é o dia de mostrar todo o valor
Com intento esmero e muita dedicação
Em créditos com carinho e grande amor
Nas poesias que sempre permanecerão.

Hoje é o dia de apreciar com coração
Os versos nos poemas desses talentos 
Prestando máxima e extrema atenção
Ao ápice dos mais puros sentimentos.

Hoje é o dia de bailar com satisfação
Nas palavras que poetas escrevem
Rodar e rodar maximizando emoção
Entretidas  poesias que convergem.

quarta-feira, 13 de março de 2013

(Poema Dalangola)"[APRESENTAÇÃO]".


(Poema Dalangola)
"[APRESENTAÇÃO]".

Abristes este espaço inteligente
Em nova modalidade em versos
Importando qualidade decente
Onde eu abraço esse universo
Usufruindo com vontade presente!

Farei com muito labor e satisfação
Feliz e alegre em,neste participar
Firmando com extrema emoção
Forma nova e boa de poetar
Fundindo as letras com o coração.

Instrumento que aqui nesse Recanto
Imprescindível para nossos poetas
Instaurarem todo talento e encanto
Inteligente o modo que interpretas
Impetradas letras com doce canto!!!

Forma de poema criado pelo ilustre poeta,José Cambinda Dala...

http://www.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=4174681

"[SEM EXPLICAÇÃO]".


"[SEM EXPLICAÇÃO]".

Explicar o que?
Ou dizer o porque?

Se está estampado,
explícito mostrado
o que sinto por você.

Está na minha face
esse grande enlace
de  extrema pureza
diante da beleza
nesse repasse.

Meu feliz jeito
que meu peito
expõe meu ser
nesse parecer
pelo amor eleito.

Aí está o fato
do coração no ato
pelo que sinto
em todo recinto
nesse retrato.

Explicar o que?
Ou dizer o porque?

"[INSTINTO DE SOBREVIVÊNCIA ANIMAL]".


"[INSTINTO DE SOBREVIVÊNCIA ANIMAL]".

Num árido longínquo,nos confins do fim do mundo.
Uma caravana de nômades se locomoviam,monta_
dos em lombos de camelos,com suas provisões mu_
lheres,crianças e vários cães.
Os homens,cortavam nos pés calçados em sandálias,
tipo franciscana calcanhares rachados por tanto 
ressecamento daquele local extremamente seco,
envoltos à turbantes surrados pelo tempo.
Por dias e dias embaixo de sol escaldante,
por muitos quilômetros sem encontrar absolutamente
nada a não ser areia e tempestuosos ventos que deslo_
cavam as dunas de lá pra cá sem sessar.
À certa altura da viagem um suplício infernal começou,
por acabar as provisões a água a tudo para o racionado
sustento daqueles obcecados por um nada.
E mais dias se passavam sem encontrarem o oásis que
tanto seriam-lhes útil pra reporem seu estoque de água,
e obviamente encontrariam um comércio pra recomporem
suas provisões.
Não obstante,as necessidades de que já tinham acabado,
uma das mulheres entrou em trabalho de parto,dando à luz
ali mesmo sem condições de higiene e cuidados com aquele
pequeno nômade que acabara de nascer.
Sem recurso nenhum,a pobre genitora entrou em óbito,
sendo enterrada ali mesmo na areia sem muita cerimônia.
O filho foi ali deixado a mercê da sorte,que lhe era tão
rarefeita devido a situação em que se encontrava a caravana.
As mães que amamentavam seus pequenos se recusaram
à alimenta-lo pois tinham pouco leite por estarem desidratadas
devido a grande  falta de água.
Largado em panos sujos,ainda de placenta seca,deitaram-
no embaixo de uma tenda numa esteira à espera do momento
em que morreria de fome.
Saíram de perto para que não vissem o sofrimento,
pois chorava tanto que ouvia-se de longe como uma canção
macabra chamando a morte.
Passados uns instantes não foi mais ouvido mais aquele choro triste.
Para todos,tinha chegado o fim daquele que mal tinha ainda
começado à viver.
Ficaram por horas na espreita sem coragem de fazer o enterro,
entreolhando-se uns para os outros.
Resolveram então terminar mais aquele episódio triste diante
tantos que já tinham passados naquela trajetória dessa cultura
arcaica, mais milenar dos nômades do deserto.
Foram então em direção à tenda,ao chegarem lá depararam
com uma cena que chocou todos os presentes deixando-os
perplexos naquele lugar de miséria e desconforto e necessidades,
sem meios de uma vida decente e saudável.
Encontraram uma cadela magra da matilha,que acompanhava 
a caravana em cima do pequeno ser,lambendo-o e dando de
mamar com a maior naturalidade do mundo.
Nem seus filhotes ela deixava chegarem perto dando lhe
guarida segura.
Anoiteceu e amanheceu ela ali postada exclusivamente
cuidando daquele que mais necessitava no momento.
Levantaram acampamento se localizaram e em menos
de meio dia,encontraram o almejado oásis tão procurado.
Refizeram-se e repuseram seus mantimentos,água e provisões
 berganharam uma cabra e uma camela para obterem leite
suficiente para o pequenino recém nascido e seguiram à
rumo ao um futuro incerto que esses céticos de civilizações
em sociedade maior,que é esse nosso mundo moderno!!!

terça-feira, 12 de março de 2013

"[NOSSA HISTORIA,NOSSO AMOR]".


"[NOSSA HISTORIA,NOSSO AMOR]".

Toda a história de amor é um privilégio doado por Deus,
assim como a nossa,que é tão forte,
como uma rocha gravada em nossos corações!!!
Nosso amor é belo, como uma flor,
forte como cedro,calmo como riacho, 
profundo que nem oceano,doce como mel...

"[VIAJADO CORAÇÃO ERRANTE]".


"[VIAJADO CORAÇÃO ERRANTE]".

Andei por todos os cantos
que se possa imaginar 
dentro d'uma vida errante
entre trancos e barrancos
envolto em triste penar
de maneira total infante
na busca incessante
de um doce e bom amar.

Voei ao ápice do infindo céu
entre nuvens brisas e estrelas
em raios trovões e tempestades
o que valia somente era o véu
de cores vivas e muito belas
evidenciando com intensidades
o arco iris em diversidades
de cores vivas em aquarelas.

Naveguei por bravios mares
em altas ondas e calmarias
em velas e navios imaginários
nada nesse mundo que compares
nos cantos das lindas sereias
e nos peixes miúdos proletários
nadando nos flancos aos contrários
marcados em fila com seus pares.

Hoje colocado meus pés no chão
depois de tantos caminhos que andei
voando com os meus pensamentos
do meu errante,viajado coração
esse grande amor puro encontrei
deixando aqui todos meus sentimentos
apagando os tristes e maus momentos
com muita paz carinho e emoção...

"[PARA TODO O SEMPRE]".


"[PARA TODO O SEMPRE]".

Saber que somos incríveis
deitarmos à noite no afã
e senti-nos irresistíveis.
acordando todas as manhãs.

Rever nossas lembranças
de todos os dias passados
dos sonhos e esperanças
e de como serão traçados,

como nós nos encontramos
o jeito que nos apaixonamos
sendo assim até nos casarmos.

Agora sentimos um ser só
preenchendo nossos espaços
juramos que viraremos pó
marcados em longos abraços.

Com muito prazer e almejo
na nossa vida e existência
na força do amor e desejo
mostrados com veemência,

com muita paz,luz e carinho
de pureza e competência
ao longo do nosso caminho...

"[ONDE ANDAS MINHA ESTRELA?]".


"[ONDE ANDAS MINHA ESTRELA?]".

Andei pelas veredas da noite
Sentindo o frio da madrugada
Aguentando a dor do açoite
Dessa triste espera...E nada

Vaguei pela praia deserta
Ouvindo o barulho do mar
Na canção da saudade em alerta
Compassado com meu penar

Onde andas minha estrela?
Que no céu,sempre despontou
Com o brilho,sendo a mais bela
Que foi-se,e nunca mais voltou

Minha moleca,linda mulher
Peço-te com todo fervor
Aqui,acolá ou onde estiver
Acredite,persiste o meu amor!!!

domingo, 10 de março de 2013

"[SÓ SEI DIZER QUE TE AMO]".


"[SÓ SEI DIZER QUE TE AMO]".

Não sei desenhar,
não sei escrever
muito menos rabiscar
num papel qualquer,
que eu te amo!
Mais sei musicar
essa composição,
que para mim
é a mais linda canção,
que vivo à cantar
é  assim
eu te amo! 
Não sei dizer
palavras difíceis,
mais as verdadeiras
e belas
são aquelas
tão fáceis
que digo
eu te amo!
eu te amo!

sábado, 9 de março de 2013

sexta-feira, 8 de março de 2013

"[O VERDADEIRO]".


"[O VERDADEIRO]".

Amar,é sentir o calor do sol,
mesmo quando as nuvens estão encobrindo-as!!!

"[SILÊNCIO]".


"[SILÊNCIO]".

Nem dizer precisa,
que me ama,
assim concisa
do jeito que aclama
no seu olhar
no seu sorriso
no seu pensar
objetivo
na sua voz 
no seu beijo 
forte algoz
cheio de desejo
na sua dedicação
com felicidade
dando a emoção
a pura veracidade
em tudo então...
Pra que dizer
se confirma
esse prazer
assim pra cima
com seu abraço
carinhoso
cheio de traço
maravilhoso...



As mais lindas frases de amor,são as ditas no silêncio de um olhar!!!

"[A HORA DO ADEUS]"


"[A HORA DO ADEUS]".

Oh!Grande amor

Que um dia partiu

 Para bem longe de mim
                         
 Sem querer saber qual fim
                       
 Seria do meu humilde coração
                    
  Ou suportaria,inesperada decisão
                  
 Decidida por seu ato forte de egoismo
                
Abrindo-se em fiorde,extenso escuro abismo.
                               
Oh!Grande paixão
                           
 Eu tanto queria sentir
                        
 Que tu ficasses no passado
                      
 Onde serias somente um retrato
                   
Comum,todo riscado em preto e branco
               
  Mais deixou limagem farta terna e tão bela
              
Impossibilitando de não vê-la,em doce aquarela
          
 Admiro-a de verdade,que a saudade em dor prolifera.
             
 Quando pousou em minha vida tão naturalmente
               
 Dando certeza que duraria para todo sempre
                   
Mostrando-se alegre feliz,muito dedicada
                   
   Estranhamente saiu sem dizer nada
                       
 Atrás de outro jardim para florir
                          
Vim saber desse seu  sentir
                            
Já cansado de procurar
                              
Dentro do nosso lar
                                 
Adeus mulher...

quinta-feira, 7 de março de 2013

"[GOTAS DE AMOR]".


"[GOTAS DE AMOR]".



As lágrimas de felicidade que rolam pela minha face,
são brotos da semente que plantou no meu coração!!!

"[PLENITUDE]".


"[PLENITUDE]".



Quando duas pessoas que se amam,
não precisam de submeterem-se em provas,

não se dominam,é assim que se completam!!!